Crítica: 7 Desejos

O Filme bebe da mesma fonte que outras obras adolescentes há poucos anos. O mais claro é o mix oferecido do clássico Mestre dos Desejos com a franquia mais recente, Premonição. No enredo pouco surpreendente deste suspense, o que predomina são pequenos sustos e um pouco de tudo.

A personagem principal é tão fútil quanto a sua rival. Uma das coadjuvantes é que rouba a atenção e merecia mais destaque, uma das poucas coisas realmente boas na trama

O que pode acontecer quando uma jovem que foi a vida toda detonada por outros alunos, que presenciou algo horrível quando criança e ainda tem um pai com uma profissão menos favorecida e que tem a “sorte” de encontrar uma caixa que concede desejos?
A possibilidade de dar problema é imensa.

Algumas mortes são bem construídas, mas passam longe das fontes que se inspiraram, a tensão é boa e podia ter sido bem mais proveitosa. O público chega a se envolver aos poucos, o difícil é segurar a atenção deles por mais de alguns minutos.

O problema principal foi a falta de mão conduzindo os principais momentos. O início é excelente, é uma pena que não tenha seguido a mesma pegada e acabe sendo menos agradável a cada instante.

Existe algo de bom? Sim, é uma opção para assistir com amiguinhos adolescentes e só. Pelo trailer era esperado algo melhor. A embalagem foi até bem construída, porém falta conteúdo.

Nota 3,5

Por Dieguito C. Melo

Revisado por Thalles Amaro

Apoio UCI Cinemas

Related posts

Leave a Comment