Artists’ Alley, o coração da CCXP, recebe 185 artistas em sua edição Tour Nordeste

Artists’ Alley, o coração da CCXP, recebe 185 artistas em sua edição Tour Nordeste

21 de março de 2017 0 Por Diego C. Melo

Mais de 50% são nordestinos com grande influência no mercado nacional e internacional

CCXP – Comic Con Experience, maior evento de cultura pop da América Latina e um dos maiores do mundo, anuncia a lista completa do Artists’ Alleyda CCXP Tour Nordeste, que acontece de 13 a 16 de abril no Centro de Convenções de Pernambuco. A área mais tradicional das comic cons mundo afora será composta de 185 artistas divididos em 140 mesas, como: Rafael Albuquerque (premiado quadrinista brasileiro com trabalhos na DC Comics e na Marvel Comics), Fábio Moon e Gabriel Bá (vencedores do Eisner por Dois Irmãos)Adriana Melo (artista de quadrinhos do Doctor Who), entre outros. A forte demanda por mesas no Artists’ Alley da CCXP Tour Nordeste levou ao aumento de 96 para 140 mesas oferecidas de forma a acomodar o maior número possível de artistas interessados aprovados após rigoroso processo de seleção. Confira a lista completa em: www.ccxptour.com.br/artists-alley.

A história do Artists’ Alley

O Artists’ Alley é o espaço dedicado à interação entre fãs e quadrinistas, tanto independentes quanto aqueles que trabalham para as grandes editoras brasileiras e estrangeiras. É nesse espaço que os artistas apresentam e vendem pôsteres, sketchbooks, artes originais e uma variedade de outros itens. Trata-se de uma área que está relacionada com o início das comic cons, que surgiram no final da década de 1960 como eventos que reuniam fãs e profissionais de quadrinhos e que, com o tempo, evoluíram para abranger outras áreas do mundo pop.

A área, dedicada aos quadrinistas – incluídos aí roteiristas, desenhistas, arte-finalistas e coloristas – que desejam apresentar seus trabalhos e interagir com os fãs, representa o coração da CCXP e enaltece a tradição dos quadrinhos no Brasil, que se deu a partir de Angelo Agostini, desenhista italiano que firmou a carreira e no país é um dos pioneiros com seu Nhô Quim em 1869, a primeira HQ do país e uma das mais antigas do mundo. Seu legado serviu de inspiração para a criação do Dia do Quadrinho Nacional, comemorado em 30 de janeiro.

Artistas internacionais movimentam o espaço: Bill Sienkiewicz, de Sandman: Noites Sem Fim (DC Comics) e Elektra: Assassina e Demolidor: Amor e Guerra (Marvel Comics), Tom Raney, de Ultimate X-Men e Uncanny X-Men (Marvel), Glenn Fabry, de Preacher (Vertigo) e Hellblazer, e Jockartista premiado de Batman: The Black Mirror (DC Comics).

O premiado quadrinista Bill Sienkiewicz no Artists’ Alley da CCXP 2016

Produção local, referência internacional

Com 35 representantes, Pernambuco tem 19% dos artistas presentes e, ao todo, o Nordeste conta com 94 artistas com mesas (mais de 50% do total), transformando o Artists’ Alley da CCXP Tour Nordeste em uma plataforma rica de talentos da região. Entre os nomes, estão Thony Silas (PE), ilustrador de Captain Marvel e Mosaic (Marvel), Ed Benes (CE), co-criador de Canário Branco (DC Comics), e Shiko (PB), ilustrador, grafiteiro, diretor de curta-metragem e autor de quadrinhos expostos em Portugal, Itália, Holanda e França.

A presença feminina também vem ganhando destaque no mercado de HQs. Na CCXP Tour Nordeste serão 35 quadrinistas mulheres. Entre elas, Bianca Pinheiro, da Graphic MSP MônicaCris Peter, que já passou por DC Comics, Marvel, Dark Horse e Image, e Schimerys Baal, colorista da Dynamite Entertainment.

Grandes artistas de São Paulo, o maior mercado do país, estarão presentes e ressaltam a força nacional do evento, com os premiados Gustavo DuarteCristina EikoPaulo Crumbim e Rafael Coutinho, além de destaques de outros estados, como: Vitor Cafaggi (MG), Rafael Albuquerque (RS) e Eddy Barrows (MG).